segunda-feira, 7 de maio de 2012

Enfermidade

Frio entre os cobertores
Abismo entre os corpos
Lágrimas entre as pálpebras
Dó e dor entre os seios à mostra

Costas beijando costas
Mel melando as coxas
Lábios ressecados e quentes
Olhos fechados orando

Pecado que sufocou as bocas
Arrependimento pesando o ar
Poesia, dois poetas mal amados
Se rendendo à decadência final

Nenhum comentário:

Postar um comentário