quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Só você II

  Tantas noites mal dormidas que já até perdi a conta. Tantos problemas mal resolvidos que já desisti de correr atrás. Tantas discussões intermináveis que eu simplesmente me calo. A comida que simplesmente não desce. Tantos planos inúteis que eu nem fecho mais os olhos pra pensar.
  O mundo está rodando ao contrário do que eu esperava, e parece que nada que eu faça vai fazer a situação se reverter. Eu já estou cansando. Não quero mais sonhar, se ao abrir os olhos não vou chegar nem perto de realizar tudo. Não quero mais discutir, se as coisas não vão mudar. Não quero correr, se não vou a lugar nenhum no fim das contas.
  O que eu quero é conseguir dormir durante a noite, o que eu quero é conseguir me olhar no espelho e não chorar, o que eu quero é não te amar tanto, de modo que eu mesma me machuque, o que eu quero é não me odiar tanto por nunca alcançar o que eu esperava. O que eu quero é que você se importe comigo, o que eu quero é não ter que fingir que acredito de verdade que tudo vai dar certo.
  Cansei de tudo. Eu quero você, só você.








Nenhum comentário:

Postar um comentário