domingo, 25 de dezembro de 2011

Coração

  Não vale a pena. Não mesmo. Tentar mudar o mundo por você, me machucar para não ver você cair, derramar minhas lágrimas pra nunca te ver chorar, contrariar o mundo para concordar sempre com você. 
  Não vale a pena largar os meus sonhos, mudar minha forma de pensar, de agir, só para tentar fazer com que você não desista de mim tão fácil. Não é certo deixar minha vida de lado para tentar amenizar as dores da sua, esquecer de mim para lembrar de você.
  Só que por mais que eu repita pra mim mesma mil vezes que não vale a pena, não vale a pena, não vale a pena, não vale a pena, eu ainda vou correr atrás de você até conseguir um "eu te amo" falso, que vai me fazer suspirar durante a noite.
  Isso não é amor. É medo. Desespero. Insegurança. Porque talvez, nunca mais vou achar alguém que faça eu me sentir desse jeito. Porque talvez, pela primeira vez eu tenha mostrado meu coração a alguém que já colecionava muitos e agora, ele pode cair e rachar a qualquer momento. Foi esse meu erro maior. Esconder ele, guardar por tanto tempo, proteger tanto, que por algum motivo, ele resolveu se libertar, sair, me dar motivos verdadeiros para querer viver.
  Não se pode trancar um coração por muito tempo.







Nenhum comentário:

Postar um comentário