quarta-feira, 13 de julho de 2011

Superando Você

  Eu já tinha desistido. Já não via mais a luz de onde eu me encontrava, meu coração fraco batia lentamente, sem vontade de me manter viva. Não encontrava força nem vontade de levantar e tentar seguir. Sem você não fazia sentido respirar, me sentir feliz, receber carinho de alguém, ou amar qualquer outro que não contesse sua áurea que me iluminava todas as noites.
  Mas um estranho apareceu na minha vida. Ele caminhava pelo mesmo caminho escuro que eu. Tinha as mesmas cicatrizes, as mesmas marcas, o mesmo sorriso destruído por mentiras e ele me deu a mão. Começamos a caminhar juntos e nossas almas apagadas, juntas, formaram um pequeno fio de luz fosca que com o tempo vai crescer e formar algo muito maior.
  E nesse dia, eu jurei que não vou mais sofrer. Vou fazer meu coração bater o mais rápido que ele aguentar, vou respirar todo o ar que puder roubar do mundo, vou correr até minhas pernas se cansarem, amar a todos que me amarem também. Vou viver minha vida como se a tristeza fosse apenas uma lembrança remota de um passado confuso.
  Eu ainda te amo, e sempre vou amar, mas quero lembrar de você como alguém que me fez sorrir todos os dias enquanto meus olhos se enchiam de lágrimas de dor.


Nenhum comentário:

Postar um comentário