segunda-feira, 23 de maio de 2011

Talvez...

  Talvez você estivesse certo em se afastar, em não olhar pra trás enquanto eu olhava e gritava seu nome. Talvez você estivesse certo em fingir que eu não existo e nunca existi, estivesse certo em procurar, um outro alguém, qualquer um menos complexo que eu e que vá te fazer menos mal.
  Talvez eu devesse te pedir desculpas por não olhar mais nos seus olhos, por fechar os meus, por te ignorar enquanto você chorava e tentava me fazer ver a verdade.
  Talvez a culpa seja toda minha, mas eu não queira admitir, talvez, eu esteja tão perdida a ponto de desistir, mas não conte para ninguém. Talvez eu só queira fechar meus olhos e quando abrir ver uma vida completamente diferente.
  Talvez eu esteja me escondendo tanto, que nem eu sei aonde aquela menina inocente foi parar... Talvez eu esteja confiando nas pessoas erradas e deixando as certas irem embora sem nem reclamar. Talvez eu esteja afundando desde o início, mas só tenha percebido agora.
  Eu espero ainda poder voltar ao topo, e quando chegar lá, poder sorrir de verdade, sem medo do amanhã. Eu espero poder olhar para o nada sem vontade de chorar e poder respirar sem culpa outra vez...


Nenhum comentário:

Postar um comentário